line
logo
Menu

Informativo

27/5 - Capital paulista passa a vacinar profissionais de Saúde com mais de 18 anos

27/05/2021 às 15:40

A vacinação contra a Covid-19 na cidade de São Paulo agora também contemplará profissionais de Saúde com mais de 18 anos, além de estagiários das 17 categorias inseridas no Instrutivo da Coordenadoria de Vigilância em Saúde e que estejam no último ano do curso profissionalizante. A informação foi confirmada pela Assessoria de Imprensa da Secretaria Municipal de Saúde e já começa a valer nesta quinta-feira (27/5).


O comitê de crise da classe odontológica contra o novo coronavírus, formado pelo Conselho Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP), a Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas (APCD), a Associação Brasileira de Cirurgiões-Dentistas (ABCD Brasil) e a Associação Brasileira de Odontologia (ABO) Seção São Paulo, comemora o avanço da imunização. “Não medimos esforços para alcançar a vacinação para todos. Os trabalhadores da Saúde estão expostos ao contágio e a Odontologia mais ainda, pois nossos pacientes precisam ser atendidos sem máscara. Essa ampliação beneficiará toda a sociedade, pois quanto mais pessoas imunizadas, melhor”, afirma o presidente do CROSP, Marcos Jenay Capez. 

 

Assim como os grupos atendidos anteriormente, cirurgiões-dentistas, técnicos e auxiliares em Saúde Bucal com 18 anos ou mais devem procurar uma das Unidades Básicas de Saúde (UBSs), uma AMA/UBS Integrada ou um dos oito mega postos do município. O horário de atendimento é das 7h às 19h e é necessário apresentar o registro do CRO ou comprovante de profissão (certificado/diploma) e comprovante de residência. Os estagiários devem comprovar que estão cursando o último ano. No site Vacina Sampa é possível conferir a lista dos locais de vacinação. 

Informativo

27/5 - Capital paulista passa a vacinar profissionais de Saúde com mais de 18 anos

27/05/2021 às 15:40

A vacinação contra a Covid-19 na cidade de São Paulo agora também contemplará profissionais de Saúde com mais de 18 anos, além de estagiários das 17 categorias inseridas no Instrutivo da Coordenadoria de Vigilância em Saúde e que estejam no último ano do curso profissionalizante. A informação foi confirmada pela Assessoria de Imprensa da Secretaria Municipal de Saúde e já começa a valer nesta quinta-feira (27/5).


O comitê de crise da classe odontológica contra o novo coronavírus, formado pelo Conselho Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP), a Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas (APCD), a Associação Brasileira de Cirurgiões-Dentistas (ABCD Brasil) e a Associação Brasileira de Odontologia (ABO) Seção São Paulo, comemora o avanço da imunização. “Não medimos esforços para alcançar a vacinação para todos. Os trabalhadores da Saúde estão expostos ao contágio e a Odontologia mais ainda, pois nossos pacientes precisam ser atendidos sem máscara. Essa ampliação beneficiará toda a sociedade, pois quanto mais pessoas imunizadas, melhor”, afirma o presidente do CROSP, Marcos Jenay Capez. 

 

Assim como os grupos atendidos anteriormente, cirurgiões-dentistas, técnicos e auxiliares em Saúde Bucal com 18 anos ou mais devem procurar uma das Unidades Básicas de Saúde (UBSs), uma AMA/UBS Integrada ou um dos oito mega postos do município. O horário de atendimento é das 7h às 19h e é necessário apresentar o registro do CRO ou comprovante de profissão (certificado/diploma) e comprovante de residência. Os estagiários devem comprovar que estão cursando o último ano. No site Vacina Sampa é possível conferir a lista dos locais de vacinação.