line
logo
Menu

Informativo

2/7 - Consulte aqui novas informações oficiais sobre a vacinação da Covid-19

02/07/2021 às 16:50

O CROSP segue solicitando a agilização na imunização dos profissionais de Saúde Bucal contra a Covid-19 e reforçou o pedido ao Governo do Estado de São Paulo para inclusão do grupo nas prioridades da fase 1, conforme ofício enviado em 18 de janeiro. Em resposta, o governo listou as prioridades da imunização, indicando os profissionais da Saúde que atuam na frente de combate ao novo coronavírus como prioritários, conforme o documento enviado pela Secretaria Particular do Governador.

Em 22 de março, o Centro de Vigilância Epidemiológica lançou também uma Nota Informativa com esclarecimentos sobre a continuidade no plano de imunização, seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde (MS).

A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo divulgou também o 15º informe (9 de junho) sobre a campanha de vacinação. Já pelo MS foi divulgada, em 15 de maio, a mais nova atualização do Plano Nacional de Operacionalização da Vacina contra a Covid-19, o documento está em sua 7ª edição. Em 1º de julho, foi divulgado também pelo MS a atualização do 28º informe técnico sobre a distribuição de doses da vacina. Além disso, o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) disponibiliza o acesso digital a todos os informes anteriormente divulgados pelo Ministério. 

Cidade de São Paulo

Na capital paulista, a Secretaria Municipal de Saúde ampliou a vacinação para grupos prioritários. A atual faixa etária de profissionais de Saúde a ser imunizada é a partir dos 18 anos, conforme anunciado pela Prefeitura

Informativo

2/7 - Consulte aqui novas informações oficiais sobre a vacinação da Covid-19

02/07/2021 às 16:50

O CROSP segue solicitando a agilização na imunização dos profissionais de Saúde Bucal contra a Covid-19 e reforçou o pedido ao Governo do Estado de São Paulo para inclusão do grupo nas prioridades da fase 1, conforme ofício enviado em 18 de janeiro. Em resposta, o governo listou as prioridades da imunização, indicando os profissionais da Saúde que atuam na frente de combate ao novo coronavírus como prioritários, conforme o documento enviado pela Secretaria Particular do Governador.

Em 22 de março, o Centro de Vigilância Epidemiológica lançou também uma Nota Informativa com esclarecimentos sobre a continuidade no plano de imunização, seguindo as diretrizes do Ministério da Saúde (MS).

A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo divulgou também o 15º informe (9 de junho) sobre a campanha de vacinação. Já pelo MS foi divulgada, em 15 de maio, a mais nova atualização do Plano Nacional de Operacionalização da Vacina contra a Covid-19, o documento está em sua 7ª edição. Em 1º de julho, foi divulgado também pelo MS a atualização do 28º informe técnico sobre a distribuição de doses da vacina. Além disso, o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) disponibiliza o acesso digital a todos os informes anteriormente divulgados pelo Ministério. 

Cidade de São Paulo

Na capital paulista, a Secretaria Municipal de Saúde ampliou a vacinação para grupos prioritários. A atual faixa etária de profissionais de Saúde a ser imunizada é a partir dos 18 anos, conforme anunciado pela Prefeitura